terça-feira, 25 de fevereiro de 2014

MATERIA DE TV: INDEFINIÇÃO SOBRE IMPLANTAÇÃO DE CURSO DE GRADUAÇÃO EM DANÇA

Na última terça-feira, o presidente da Anacã Joinville – Associação de Grupos de Dança, Edson Schubert, foi um dos entrevistados do programa Jornal do Meio-Dia, da RIC Record Joinville. Além da entrevista, a matéria traz o comentarista Osny Martins colocando o “dedo na ferida”, de promessas não cumpridas do governo do estado, em especial ao “não-disse-que-disse” do secretario de educação do estado Eduardo Deschamps.

Confira a matéria da RIC Record Joinville no link abaixo...




sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014

ANACÃ JOINVILLE SE UNE AO FÓRUM DE DANÇA DE FLORIANÓPOLIS PARA COBRAR IMPLANTAÇÃO CURSO DE GRADUAÇÃO EM DANÇA NO ESTADO

Nesta sexta-feira, dia 21 de fevereiro, a diretoria da Anacã Joinville, representada pelo presidente Edson Schubert, e pelo vice-presidente, Maycon Santos, participaram do Forum de Dança de Florianópolis, no Centro da Lagoa da Conceição, na capital.
Além da troca de informações e das deliberações locais do Fórum, o encontro marcou a união de esforços dos representantes das duas cidades, nos movimentos para a reivindicação do repasse de recursos por pare da secretaria de educação do estado, por meio do secretário Eduardo Deschamps, para a implantação do curso de licenciatura em Dança na Udesc, em Florianópolis e Joinville. A aproximação para buscar um objetivo comum marca, também, o inicio de uma maior integração e troca entre o setor da dança das duas cidades.
O encontro foi considerado altamente produtivo pela diretoria da Anacã. Foram destacadas ações a serem executadas nas duas cidades, visando a cobrança da promessa feita no ano passado pelo secretário Deschamps, sobre a implantação do curso superior de Dança no estado, e que agora parece ter sido sumariamente descartada. A partir deste encontro, serão deflagradas diversas ações nas duas cidades, para atrair a atenção  da opinião publica sobre o descumprimento da promessa do governo do estado. Sob um slogan bastante significativo: “Graduação em Dança Já!”





























quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014

DIRETORIA DA ANACÃ JOINVILLE EM SEMANA DE REUNIÕES DE PLANEJAMENTO DO SETOR

A semana foi de intensa movimentação por parte da diretoria da Anacã Joinville. Em reuniões e visitas, o presidente Edson Gellert Schubert e o vice Maycon Santos,adiantaram diversos assuntos de interesse do setor.
No dia 18, terça-feira pela manhã, os dois representantes da diretoria da Anacã Joinville estiveram na Escola do Teatro Bolshoi no Brasil, entregando convite formal para a  participação do Bolshoi Brasil nas quatro edições dos espetáculo Dança Joinville 2014. O mesmo convite será feito formalmente aos grupos profissionais e instituições representativas do setor da Dança em Joinville. Aos demais grupos que já tradicionalmente participam do Dança Joinville, também já foi enviada correspondência formalizando o convite para que este ano novamente se façam presentes para fortalecer ainda mais o slogan que move a Anacã: “Joinville dança o ano inteiro”
Ainda já nos preparativos para as quatro edições do Dança Joinville, Edson Schubert e Maycon Santos estiveram no Teatro Juarez Machado, onde deixaram assinaladas as datas para as quatro edições do projeto, e que serão oportunamente divulgadas. Lembrando que as inscrições para o 1º Dança Joinville de 2014, que será realizado no ultimo final de semana de abril, em comemoração ao Dia Mundial da Dança, já podem ser feitas pelo formulário eletrônico disponibilizado no blog da Anacã Joinville.
A preparação da programação do Dia Mundial da Dança, 29 de abril, aliás, foi uma dos assuntos da terceira reunião da diretoria da Anacã Joinville, na terça-feira. Na parte da tarde, Edson Gellert visitou o Instituto Festival de Dança para debater este, entre outros assuntos, com Ely Diniz, Victor Aronis e Karin Coletti, do Instituto Festival de Dança. Além de começar a delinear a programação do Dia Mundial da Dança, a diretoria da Anacã Joinville obteve o apoio formal do Instituto na frente de mobilização para que seja feito o repasse de verbas pela Secretaria de Educação do estado, para viabilizar a implantação do curso superior em Dança na Udesc, em Joinville e Florianópolis, ameaçado de não acontecer. Também foi debatida a implantação do Galpão da Dança, uma das principais reivindicações da Anacã Joinville, iniciativa que também recebeu o apoio do Instituto Festival de Dança.
Já na tarde na tarde de quarta-feira, dia 19 de fevereiro, Edson Schubert e Maycon Santos visitaram a recém nomeada diretora executiva da Fundação Cultural de Joinville, Dolores Tomaselli, apresentando a Anacã Joinville, suas atividades e representatividade, sua função como fiscalizador da execução do Plano Municipal de Cultura de Joinville e as demandas do setor da dança, destacando, na pauta do encontro, a transparência nas comunicações e ações da FCJ, as ações buscando a implantação do Galpão da Dança, originalmente prevista para acontecer na Cidadela Antarctica, a situação do curso de licenciatura em dança da Udesc e a cessão de uso do Teatro Juarez Machado para as quatro edições do Dança Joinville, já que este é evento setorial continuado.
Na sexta-feira pela manhã, tanto o presidente da Anacã Joinville, Edson Gellert, quanto o vice-presidente da entidade, Maycon Santos, este também vice-presidente da Aprodança – Associação dos Profissionais de Dança de Santa Catarina, e ainda a proprietária do Grupo/Escola AZ Arte, engrossam, em Florianópolis, a representação do setor da dança na reunião/manifestação da Aprodança em favor da implantação do curso de licenciatura em Dança na Udesc.

Na próxima semana, estão agendadas novas reuniões com os setores responsáveis para a continuidade dos debates sobre os assuntos de interesse do meio da Dança, de Joinville e de Santa Catarina. 

sexta-feira, 14 de fevereiro de 2014

ENCONTRO CRIA FRENTE PARA BUSCAR LIBERAÇÃO DE VERBAS PARA O CURSO SUPERIOR DE DANÇA EM JOINVILLE

Presidente da Anacã, Edson Schubert, e vice, Maycon Santos, afirmaram reforço na busca por solução para o repasse de verbas para a Udesc

Uma reunião com a secretária de desenvolvimento regional, Simone Schramm, realizada na quinta-feira, dia 13, às 15 horas, na sede da SDR, que seria de revisão do status do processo de implantação do curso superior em Dança em Joinville, pela Udesc, se transformou numa frente de luta pelo cumprimento da promessa feita pelo secretário de Educação do governo do estado, Eduardo Deschamps, em anuncio oficial, com pompa e circunstância, sobre o repasse das verbas necessárias, no dia 22 de agosto de 2013, no Campus da Udesc, em Joinville. No momento, a posição do secretário de Educação é de não repassar as verbas prometidas para essa finalidade. O encontro teve a presença do diretor da Udesc Joinville, Leandro Zvirtes; diretoria da Anacã Joinville – Associação de Grupos de Dança, com o presidente Edson Gellert Schubert; e o vice-presidente da entidade, Maycon Santos, que também é vice -presidente da Aprodança –Associação dos Profissionais de Dança de Santa Catarina; e posterior presença dos deputados estaduais Nilson Gonçalves e Darci de Matos.
Tudo estava muito bem em agosto de 2013, quando Deschamps esteve em Joinville para assinar o documento para suplementação do repasse orçamentário à instituição, que permitiria a implantação do primeiro curso superior de Dança do Estado, oferecido em Florianópolis e Joinville. Na ocasião, Deschamps disse, na presença de representantes da Udesc, da SDR e da Prefeitura de Joinville: “Reconhecemos a qualidade do trabalho desenvolvido pela Udesc e sabemos que esse curso será um marco para Santa Catarina. Vamos fazer o possível para que isso se torne realidade o mais rapidamente”.
A realidade, no entanto, se mostrou bem diferente. Apesar de o diretor da Udesc, Leandro Zvirtes, afirmar que foi feita até mesmo uma redução no valor dos recursos, de 4,4 milhões para 2,5 milhões, com a estruturação de apenas uma turma por ano, e que a instituição se responsabilizaria pela reforma do espaço físico, a escola Germano Timm, em Joinville, o repasse não aconteceu E a perspectivas, segundo Zvirtes, não são otimistas, já que a Udesc não tem condições orçamentárias de arcar sozinha com a implantação e manutenção do curso de Dança.
Na reunião, Simone Schramm, que tem sido a “ponta de lança” de Joinville nesta questão, reafirmou sua posição de buscar todos os recursos necessários para que as promessas feitas em agosto passado sejam cumpridas, não descartando encontros com o governador Raimundo Colombo e com o senador Luiz Henrique a Silveira para tratar do assunto. Simone Schramm entende que o curso é uma obra de valor e visibilidade, sendo a mais representativa no governo estadual no município. Descontente, a secretária de desenvolvimento regional propõe esforço conjunto para reverter a situação.
O presidente da Anacã Joinville, Edson Gellert Schubert, reiterou que este é um desejo antigo da classe da dança na cidade e no estado, e que é urgente a busca de soluções para os impasses orçamentários. Já o vice-presidente da Anacã Joinville e vice-presidente da Aprodança, Maycon Santos, lembrou que muitos estudantes deixaram de se matricular para o Vestibular em Educação Física, alternativa mais próxima, para aguardar a implantação do curso superior de Dança.
A reunião foi reforçada pela presença do deputado estadual Nilson Gonçalves, que solicitou maiores informações e se comprometeu com os presentes a buscar o apoio da bancada de Joinville na Câmara, para debater com a secretaria de Educação sobre o repasse de verbas.
Outra presença de peso foi a do deputado Darci de Matos, que também se colocou à disposição para reuniões com instâncias superiores, a fim de buscar agilidade para uma solução ao impasse.
A urgência é explicada por Zvirtes. Segundo ele, resta pouco mais de um mês de tempo hábil para a preparação de um vestibular de inverno para o curso de dança na Udesc. Depois disso, todo o projeto de implantação, que está pronto, ficaria comprometido.
Como resultado do encontro, em resumo, ficou o entendimento de que a situação é séria, o risco é grande e que seja cobrado o cumprimento da promessa feita pelo secretário Eduardo Deschamps, na oficialização da implantação do curso, em Joinville, diante da própria secretária da SDR, Simone Schramm; do reitor da Udesc, Antonio Heronaldo de Sousa; e do presidente da Fundação Cultural de Jonville, Rodrigo Coelho.

Links com as matérias anteriores sobre a implantação do curso:
http://www.udesc.br/?idNoticia=7842 - Udesc Joinville vai contar com o primeiro curso superior de dança do estado

http://www.udesc.br/?idNoticia=7867 - oficialização pelo secretario Deschamps, na presença da secretária Simone Schramm; do reitor da UDESC, Antonio Heronaldo de Sousa; e do Vice-Prefeito e presidente da Fundação Cultural de Joinville, Rodrigo Coelho. 





quarta-feira, 12 de fevereiro de 2014

ANACÃ BUSCA ATUALIZAR INFORMAÇÕES SOBRE IMPLANTAÇÃO DO CURSO SUPERIOR DE DANÇA EM JOINVILLE

O presidente da Anacã Joinville, Edson Gellert Schubert, esteve na tarde de quarta-feira, dia 12 de fevereiro, na Secretaria de Desenvolvimento Regional do governo do estado, para solicitar e protocolar uma reunião (foto) com a secretária de Desenvolvimento Regional, Simone Schramm. O objetivo da solicitação deste encontro e atualizar as informações sobre a implantação do curso superior em Dança em Joinville e em que momento este processo se encontra neste momento.
A reunião foi confirmada para quinta-feira, dia 13 de fevereiro, às 15h30. Além dos representantes da Anacã Joinville - o presidente, Edson Gellert Schubert, e o vice, Maycon Santos -, também estará presente o representante da UDESC, Leandro Zvirtes. Aliás, Svirtes esteve em Florianópolis onde recebeu más noticias da Secretaria de Educação doe estado, de que a verba para a instalação do curso não seria liberada.

A audiência com Simone Schramm visa justamente obter informações precisas sobre este processo. 

COMEÇAM OS PREPARATIVOS PARA O DIA MUNDIAL DA DANÇA

Na segunda-feira, dias 10 de fevereiro, a diretoria da Anacã Joinville Associação de Grupos de Dança, representada pelo seu presidente, Edson Gellert Schuber, e pelo vice, Maycon Santos, iniciou os contatos visando preparar uma programação especial para o Dia Mundial da Dança, comemorado no dia 29 de abril.
A primeira parada foi no Instituto Festival de Dança de Joinville. Ali, ficou acertada uma reunião para o dia 18 de fevereiro, onde será discutida a programação especial do Dia da Dança e as parcerias possíveis entre o Instituto e a Anacã Joinville.
A segunda parada foi na Escola do Teatro Bolshoi no Brasil, onde foi agendada mais uma reunião, também para o dia 18 de fevereiro. Na pauta, o convite oficial para a participação da Escola na primeira edição do Dança Joinville de 2014, justamente no dia 29 de abril, e também uma conversa sobre a programação do Dia Mundial da Dança.


DIRETORIA DA ANACÃ QUER AGILIZAR DISCUSSÕES SOBRE GALPÃO DA DANÇA NA CIDADELA

A corrida pela conquista de um espaço para o Galpão da Dança, em Joinville, não pára. Na manhã de segunda-feira, dia 10 de fevereiro, o presidente eleito da Anacã Joinville – Associação de Grupos de Dança, para o biênio 2014/2015, Edson Gellert Schubert, e o vice-presidente, Maycon Santos, estiveram na Fundação Cultural de Joinville e no gabinete do seu presidente, vice-prefeito Rodrigo Coelho, para protocolar ofício de solicitação de audiência com dirigente da instituição.

De acordo com Edson Gellert, presidente da Anacã, a iniciativa tem como objetivo agilizar as definições para o Galpão da Dança na Cidadela Cultural, conversar sobre possíveis parcerias, entre outros assuntos. Aguarda-se, agora, a definição de uma data para o encontro e o desdobramento das discussões, já que, segundo oficio resposta de Rodrigo Coelho, enviado à Anacã Joinville no inicio deste ano, quando Maycon Santos ainda era presidente da entidade, consta ali a promessa de um espaço para o Galpão da Dança na Cidadela Antarctica. 



sábado, 1 de fevereiro de 2014

AJOTE PROMOVE ENCONTRO PARA DISCUTIR DESTINAÇÃO DA CIDADELA ANTARCTICA

Neste domingo, dia 2 de fevereiro, a partir das 19 horas, a AJOTE (Associação Joinvilense de Teatro) realiza um primeiro encontro informal com outras associações artísticas. Na pauta deste encontro, a utilização da Cidadela Antarctica, por conta da saída do ITTRAN, programada para este início de ano. Segundo o presidente da AJOTE, Cassio Correia, em uma reunião com a Fundação Cultural, foi pedido à Associação de Teatro para organizar uma reunião com artistas para que possam se manifestar em relação à utilização do espaço, que ficará ocioso, e também verificar as reais necessidades de cada coletivo. 
Inicialmente, o convite é destinado aos coletivos que ali já são atuantes (AJOTE, AAPLAJ, Instituto Schwanke, Fundação Cultural e também a ANACÃ Joinville – Associação de Grupos de Dança, que já tem um oficio por parte do governo referente a utilização de um galpão na Cidadela) para que se possa começar esta negociação e verificar como envolver outros coletivos de Joinville nesse processo.